EnglishFrenchPortugueseSpanish

Supervisor de Entrada

SOLICITE CONTATO

Agende uma visita com um de nossos técnicos para o diagnóstico de seu caso.

O que você precisa:
Em caso de treinamento, qual necessita:
NR 35:
ACESSO POR CORDA:
ESPAÇO CONFINADO:
RESGATE TÉCNICO:

Ou converse agora:

Carga horária: 40h

Após o treinamento o profissional deve ser capaz de:

  • Emitir Permissão de Entrada e trabalho antes do início das atividades;
  • Executar testes, conferir equipamentos e os procedimentos contidos na Permissão de Entrada e Trabalho;
  • Assegurar que os serviços de emergência e salvamento estejam disponíveis e que os meios para acioná-los estejam operantes;
  • Cancelar os procedimentos de entrada e trabalho quando necessários;
  • Encerrar a Permissão de Entrada e Trabalho após o término dos serviços.

Certificação
A certificação dá ao profissional um atestado de competência operar a permissão de entrada com responsabilidade para preencher e assinar a Permissão de Entrada de Trabalho (PET) para o desenvolvimento de entrada e trabalho seguro no interior de espaços confinados.

-Experiência – No caso de serviços em altura é exigida a certificação em ACESSO POR CORDA AC/N1(ABENDI/ANEAC)

-Aptidão física e mental – apresentando o atestado de saúde ocupacional (ASO), considerando APTO para o exercício da profissão, que assegure que é capaz de realizar atividades que exigem agilidade e coordenação, e que é capaz de controlar o estresse do trabalho em condições adversas.

 

Conteúdo Programático

  • Normas NBR 14787, 14606, NR’s 18.20 e 33;
  • Definição dos espaços confinados;
  • Identificação dos espaços confinados;
  • Avaliação;
  • Cadastramento;
  • Mapeamento;
  • Métodos de avaliação para cada situação;
  • Riscos e medidas de controle;
  • Ações para entrada;
  • Permissões de entrada;
  • Primeiros socorros;
  • Deveres e responsabilidades;
  • Exaustão e ventilação;
  • Testes atmosféricos com utilização de detector de gases;
  • Equipamentos para trabalho;
  • Auto-resgate;
  • Proteção respiratória;
  • Acessos por corda;
  • Nós e ancoragens;
  • Mosquetões e fitas de ancoragem;
  • EPI’s;
  • Instalação de proteções coletivas;
  • Auto resgate;
  • Isolamento físico e sinalização;
  • Emergências em espaço confinado;
  • Utilização dos equipamentos em situações reais.
Assine nossa Newsletter

E receba nossas novidades por E-mail